Com a melhor das intenções, Tom Holowach planejou um gigantesco espetáculo.

Segundo o site Gizmodo, Holowach foi a mente por trás do Festival de Balões de Cleveland, nos EUA, em 27 de setembro de 1986.

Tom explicou seu papel no projeto em entrevista essa semana:

Eu era o Gerente de Projeto desse evento. Eu trabalhei nisto por 6 meses e morei em Cleveland por um mês durante a preparação. Nós tivemos que construir uma estrutura que ocupava todo um quarteirão e que aguentasse ventos de até 90mph. A rede que prendia os balões, uma peça única, foi fabricada pela mesma empresa que que fez as redes de carga das naves espaciais. Crianças em escolas “vendiam” patrocínios de balões por 2 balões a 1 dólar, que iam para a ONG United Way. O objetivo era 2 milhões, mas paramos em mais ou menos 1,4 milhão.

Mesmo o evento sendo um belo espetáculo, o Festival acabou em tragédia.

Segundo o site Viral Forest, uma tempestade atingiu a área e empurrou os balões para dentro da cidade. Dois pescadores que tinham tido seu barco virado pela tempestade foram impedidos de serem resgatados pois os helicópteros da Guarda Costeira não conseguiram localizar o barco abaixo da impenetrável camada de balões.