Mais uma daquelas coisas que não conseguimos entender por causa da rapidez e precisamos de uma super câmera em slow para nos surpreender. A Oxford Scientific Films utilizou uma câmera que registra 1000fps (!!) para matar essa curiosidade. O resultado é interessante.