Uma iniciativa que reúne jovens em início de carreira e idosos com experiência em trabalhos manuais. Dessa união nasceu a Granny’s Finest, marca fashion holandesa.

Em vez de ficarem em casa, os idosos se encontram semanalmente em grupos para produzirem o que mais sabem – pode ser tricô, crochê e bordado, por exemplo. É o momento perfeito não só para produzir artesanato mas também para socializar e interagir com a comunidade.

O trabalho das vovós – e, por vezes, vovôs – é realizado em conjunto com o de jovens designers, fotógrafos, maquiadores e estilistas. Eles ganham experiência e enriquecem o portfólio.

O resultado pode ser visto além das peças da grife fashion, como casacos, chapéus e cachecóis. A Holanda tem uma população de 2,6 milhões de pessoas com mais de 65 anos. Muitas vivem sozinhas e veem seus rendimentos caírem.

Com o trabalho conjunto, não apenas a solidão é evitada, como se cria uma coesão social. O conhecimento também é dividido entre gerações.